VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

segunda-feira, 30 de junho de 2014

AS VINTE MELHORES MARCAS DE BATOM DISPONÍVEIS NO MERCADO

Batom é item indispensável na vida de qualquer mulher. Algumas são louca por eles a ponto de ter dezenas. Nessa ânsia de ter sempre cores novas a maioria se esquece da qualidade. Os lábios também envelhecem! Um batom tem que ser no mínimo hidratante e protetor solar. Se tiver vitaminas melhor ainda! O pigmento deve ser o mais natural possível para promover uma fixação perfeita. Apontamos as Dez melhores marcas de Batons disponíveis no mercado. 


1) Mineralize Lipstick da M.A.C 

Complexo hidratante, com 77 minerais, que instantaneamente nutrem os lábios com máxima hidratação em uma fórmula leve e não pegajosa. Seu aplicador maior oferece uma aplicação incrível e cor duradoura em apenas uma passada. Acabamento com brilho moderado e cobertura translúcida porém que pode ser construída. Embalagem com fechamento magnético.




2) Batom Perfect Color Lipstick da ARTDECO


Batom de alto brilho que proporciona uma cobertura uniforme. Sua fórmula de longa duração deixa a pele com um aspecto aveludado e porporciona aos lábios encanto e sensualidade. As várias opções de cores existentes convidam a experimentar: combinando com o traje, ou às mais novas tendências da moda, neutro, natural ou marcante.

3) Batom Marvelous Moxie Lipstick da BareMinerals
O batom Marvelous Moxie da bareMinerals dá um show de pigmentação e cremosidade. A textura faz com que ele deslize facilmente sobre os lábios, enquanto a ultrapigmentação garante uma cobertura uniforme com acabamento acetinado – e o melhor – ele dá volume com efeito prolongado. Além de deixar os lábios mais bonitos, o Marvelous Moxie deixa os lábios mais saudáveis.

Os minerais que compõem a fórmula revitalizam e o Óleo Abissínio e os Ácidos Graxos Ômega formam um complexo hidratante que nutrem e condicionam essa região.




4) Batom Rouge Prodige da Clarins
Todos os olhares estarão voltados para os lábios com o Rouge Prodige, um batom com fórmula de alta performance que oferece uma cor duradoura e brilhante aos lábios. 

Sua composição - que inclui extrato de algas marinhas, ceramidas, ceras e polímeros de pérola - garante tudo o que as mulheres sempre desejaram em termos de inovação: durabilidade, cor intensa, um brilho incrível e, principalmente, conforto.




5) Batom Chubby Stick Intense Moisturizing Lip Colour Balm da Clinique
Seus lábios irresistíveis com um toque de cor que não é nem brilhante, nem opaco - o meio-termo perfeito! Contém manteiga de manga e karité que deixam seus lábios confortavelmente macios e suaves. Disponível em oito cores vibrantes.

Apresentado numa embalagem divertida, com forma semelhante à de um lápis de cera, sua fórmula garante uma cor duradoura e cobertura intensa.




6) Batom Dior Addict Lipstick Be Iconic da Dior
Um novo batom. Um novo acessório de moda.

O novo Dior Addict Lipstick é uma declaração de amor entre beleza e estilo, entre cor e moda, entre Dior e seus fãs. Dior e Kate Moss selecionaram 3 estilos diferentes de cores: Glam, Rock e Doll com o objetivo de revelar a feminilidade absoluta. Brilho, Volume e Hidratação estão nas 40 cores vibrantes que representam a feminilidade moderna e sempre mutante, que se reinventa constantemente ao criar a elegância do dia a dia com impacto pessoal, radiante e emocional. Fáceis de usar, as novas cores brincam com a excitação e os desejos da moda atual.

Sua fórmula sensorial de alto brilho com 25% menos cera que um batom comum, contém um extraordinário gel refletor que proporciona um resultado de transparência moderna, intensa hidratação preenchedora e um efeito magnífico de brilho.







7) Batom Femme Rouge® Velvet Crème Lipstick da Hourglass
Femme Rouge Velvet Crème Lipstick é um batom com fórmula cremosa lustrosa que hidrata e amacia os lábios. A fórmula ricamente pigmentada do Femme Rouge dá volume e brilho, modelando e amaciando imediatamente os lábios para um efeito aveludado e macio.

É recarregável com refis de batom que são vendidos separadamente. Empurre firmemente o cartucho existente pela base e substitua pelo novo. O som do encaixe indica que o refil está seguro.

*Não contém parabenos, sulfatos, corantes sintéticos e ftalatos.




8)  Batom Le Rouge de Givenchy
O batom Le Rouge Givenchy é mais do que um batom, é um novo acessório atemporal 'must have'. A embalagem luxuosa é envolta por couro e inspirada na alta-costura. 

Proporciona um resultado intenso de lábios matte e sensuais. Possui uma textura viciante, confortável e de longa-duração.Tão eterno quanto vestidinho preto de Audrey Hepburn ...





9) Batom Rouge Automatique da Guerlain
Pernas longas e finas...Beijos como ela gosta…Apaixonada pela vida…Para o novo batom Guerlain, Olivier Echaudemaison imaginou e criou este desenho charmoso que ilustra perfeitamente o arquétipo desta mulher…Natural, feminina e automaticamente irresistível.

Rouge Automatique é um batom cuja fórmula traz conforto e longa duração, e a união de óleos e ceras reproduzem uma textura segunda-pele com função hidratante, além dos pigmentos de cristal que dão pureza e luminosidade nas cores. O aplicador sofisticado dourado permite abrir e fechar o batom rapidamente utilizando apenas uma mão.

Uma re-interpretação do primeiro batom one-hand criado por Guerlain em 1936. Uma verdadeira inovação no gestual de produtos labiais.





10) Batom Painted Love Lipstick da Kat Von D.
Painted Love Lipstick é um batom rico em cor da artista tatuadora Kat Von D. Feito especialmente para a Sephora pela estrela da televisão Kat Von D, o batom Painted Love Lipstick pega a cor-assinatura de Kat, um vermelho sofisticado, e expande para uma variedade de cores ardentes, de carmesim a vermelho sangue. Vem embalado em uma embalagem luxuosa com um fundo de lucite que mostra a cor do interior, e a tampa é pintada com rosas prateadas em preto opaco - inspirado na tatuagem predileta de Kat.


11) Batom L'Absolu Rouge - Crème de Rouge Hydratation et Galbe Absolu Pro-Xylane™ SPF 12

L'absolu Rouge é um batom cremoso que proporciona hidratação e volume absoluto.

Como tributo ao mito Rouge Absolu, Lancôme reinterpreta a feminilidade eterna com um novo batom que encarna a excelência e o luxo. Pela primeira vez em um batom, Pro-Xylane™, a molécula anti-idade mais poderosa dos laboratórios Lancôme, define e dá volume intenso aos lábios. Redesenha, dá volume e intensifica com delicadeza os lábios, que tendem a perder sua densidade a partir dos 35 anos. Pro-Xylane™ é a molécula mais completa criada por Lancôme. Única e patenteada, é o fruto de 7 anos de estudo.

Possui pigmentos de alta tecnologia que transmitem sensualidade e uma experiência sensorial única. Sua textura suave e confortável, envolve seus lábios com uma agradável sensação que acaricia sua pele. Enriquecido com componentes exclusivos como Moisture Locker Complex que mantém a hidratação natural dos lábios, Ceramida 5 que reforça as defesas naturais do tecido, L'Absolu Rouge, hidrata até 8 horas após a aplicação, ajudando a reparar as células da pele. O filtro solar SPF 12 protege intensamente os lábios, protegendo-os contra os efeitos do envelhecimento e dos raios solares.


12)  Batom Crème Smooth Lip Colour de Laura Mercier
Este batom de fórmula cremosa envolve os lábios com uma cor rica e acabamento semi-brilhante, que dura de seis a oito horas. A textura leve do batom deixa uma sensação confortável. O óleo de oliva puro e vitamina E nutrem os lábios.

As cores deslizam uniformemente sobre os lábios. Você vai ter a aparência dos lábios visivelmente mais cheios mais jovens em apenas uma passada.


13) Batom Hydra Extreme Lipstick - Naturals Collection da Maybelline
Batom ultra-hidratante para os lábios com fator de proteção solar 15. Proporciona lábios macios e hidratados como nunca e 8 horas de condicionamento contínuo. sua fórmula possui uma suave fragrância e uma cremosidade no ponto certo. Hidrata 6 vezes mais e possui cores naturais
Batom Hydra Extreme Lipstick - Naturals Collection

14)  Batom Pure Sheer SPF Lip Treatment da NARS
Pure Sheer SPF Lip Treatment é um batom hidratante de textura suave e fator de proteção 15. Com agentes antioxidantes, sua fórmula é enriquecida com vitamina E e ingredientes naturais como creme de manga, óleo de açai e frutas vermelhas que proporcionam maior hidratação e conforto.
15) Miss Rôse  Pure Lipstick Hing Performance da Miss Rôse 
Um luxuoso batom que deixa os lábios cremosos e com uma cor perfeita.

Pure Lipstick hing performance  é rico e cremoso ao máximo e possui o pigmento rico em cor da Urban Decay. Essa batom é viciante de usar. Ele consegue deslizar sem arrastar ou pular e cobre cada curva. Apenas em uma aplicação ele já consegue colorir perfeitamente os lábios, com tons que vão desde nudes lindos até cores brilhosas e fortes.

16) Batom Megatint Long Wear Lip Color da Smashbox
Mega cor, mega impacto, cores vibrantes e marcantes!

Desenvolvido no Smashbox Studios, a nossa tinta para lábios de longa duração hidrata e ainda mantém a cor radiante por até 8 horas!
17) Batom Rouge Artist Intense da Make UP For Ever
Batom de longa duração altamente pigmentado. Produz uma cor intensa em uma única aplicação. Formulado com 50% mais pigmentos que o batom Rouge Artist tradicional, o Rouge Artist Intense é fiel à cor. Possui combinação de três ceras naturais, que proporcionam textura cremosa, que desliza sem esforço e longa duração. A extensa gama de cores e texturas dá asas à sua criatividade.

Disponível em três acabamentos – matte, perolado e acetinado – para variedade de efeitos.

18) Batom Magic Marker Lip and Cheek Stain da Josie Maran,
Dê aos lábios e bochechas um rubor sexy – e sem precisar dançar! Magic Marker Lip & Cheek Stain dá um toque de cor de boneca a lábios e face. Esta fórmula mágica possui uma combinação de Ácido Hialurônico e extratos de açúcar para amaciar e aumentar os lábios para uma boca sexy.

19) SOUL KISS ME - BATOM HIDRATANTE FPS10  Da eudora
O Batom Hidratante Kiss Me traz todas as cores que são tendências no mundo.
Tem uma textura macia, cremosa e fórmula com vitamina E, que promove hidratação máxima e protege os lábios.
Possui alta cobertura e o acabamento ideal para os lábios, para você deixar a sua marca registrada, sempre.
Soul Kiss Me - Batom Hidratante Fps10 Nude Metrópole
20) BATON VOILE D'ETE PAYOT
Baton labial de cores vibrantes e sofisticadas, que acompanham as atuais tendências da moda e as expectativas da mulher moderna. Permite uma aplicação fácil e uniforme, com excelente cobertura. Realça os lábios, tornando-os mais luminosos e atraentes.

Imagem de Baton Voile D'Ete Payot

Desir Pour Homme Rochas Masculino


Desir Pour Homme de Rochas é um perfume Oriental Amadeirado Masculino. Desir Pour Homme foi lançado em 2007. O perfumista que assina esta fragrância é Quest International As notas de topo são Toranja, Anis e Laranja Amarga as notas de coração são Cacau e Cardamomo as notas de fundo são Baunilha, Madeira de Cashmere e Cedro
Desir Pour Homme Rochas Masculino

Jessica Simpson The Signature Fragrance

0
Em colaboração com a Parlux, Jessica Simpson lança a nova fragrância com o seu nome em Agosto de 2014. A fragrância foi anunciada como sendo gourmand. "Há algo nesta fragrância que acontece num outro lugar. Ela é excitante, sofisticada e muito mais madura," disse Jessica Simpson.
O novo perfume Jessica Simpson foi criado em colaboração com a Givaudan e a perfumista Marypierre Julien. As notas de topo abrem com citrinos suculentos, clementina, nectarina, romã e alperce. O coração incorpora jasmim, flor de laranjeira e lírio, numa base de tonka, chocolate, baunilha, sândalo e troncos de madeira.
JESSICA SIMPSON THE SIGNATURE FRAGRANCE
perfumista: Marypierre Julien

citrinos, clementina, nectarina, romã, alperce
jasmim, flor de laranjeira, lírio
chocolate branco, baunilha, sândalo, tonka, madeira
A fragrância Jessica Simpson vem num frasco de vidro com a forma de uma lágrima e uma tampa envolta numa pena de pavão dourada. A fragrância estará disponível em frasco de 100 ml pelo preço de $65; 50 ml por $49; 30 ml por $35, assim como roller-ball por $18, Eau de Parfum, diz wwd. A campanha de publicidade para a nova fragrância apresenta Jessica Simpson e as fotos foram tiradas por Gilles Bensimon no Big Sky Movie Ranch em Simi Valley, California.

Puma Time to Play

0
Em 2014, a Puma oferece um novo duo fragrante chamado Time to Play que nos convida a não levar as coisas muito a sério, abraçando a energia positiva, desfrutando do jogo! Esta coleção vem depois de uma coleção temática introduzida para celebrar a Copa do Mundo de Futebol no Brasil (Puma Yellow Brazil Edition;Puma Green Brazil Edition) com frascos no mesmo formato e um design moderno.
Time to Play Woman é uma edição feminina construída como floral-frutada, composta de lima, romã verde, manga verde e bagas vermelhas nas notas de topo. O coração acrescenta uma onde de lírios, rosas e flores de tiare numa base de âmbar, sândalo e almíscar. A fragrância está disponível em frascos de 40 e 60 ml EDT.
Time to Play Man é uma fragrância masculina, com um conceito aromático-cítrico, composto de notas como ananás, bergamota, limão e lima no topo. O coração incorpora manjericão, gálbano e melancia numa base de âmbar, cedro, ládano e almíscar. A fragrância pode ser obtida em 40 e 60 ml EDT.
TIME TO PLAY WOMAN
lima, manga verde, bagas vermelhas
lírio, rosa, tiare, notas florais
âmbar, almíscar, sândalo
TIME TO PLAY MAN

ananás, bergamota, limão, lima
manjericão, gálbano, melancia
âmbar, cedro, ládano, almíscar


Guess Night Access


Guess Night Access
 (Agosto de 2014) é uma nova fragrância masculina da Guess, e é uma continuação do tema começado com a fragrância Guess Night de 2013. A linha inspirada na música electrônica e nas baladas oferece uma nova edição que simboliza a aventura e os desafios. Uma exótica e fresca composição amadeirada-fougere assinada pelo mesmo duo da original - Antoine Lie e Francis Kurkdjianpor: Sanja Pekic
Suas notas de abertura incluem açafrão, toranja da Flórida e elemi da Malásia. Cedro e gerânio verde formam o coração sensual da composição, passando para a base terrosa de patchouli, baunilha preta e fava tonka. 
Notas de topo: açafrão, toranja, elemi 
Coração: cedro, gerânio verde 
Base: patchouli, fava tonka, baunilha 
Goncalo Teixeira é o modelo português que representa o rosto da campanha. A fragrância está disponível em frascos de 30, 50 e 100 ml Eau de Toilette com uma coleção complementar.

domingo, 29 de junho de 2014

A Conspiração dos Perfumes


Exploremos os atuais Regulamentos do IFRA e os iminentes eventos na União Europeia no que diz respeito Às restrições nos ingredientes dos perfumes sob o disfarce de proteger 1% a 3% dos humanos de possíveis reações alérgicas ao conteúdo dos frascos. Em vez de etiquetar os perfumes como potencialmente perigosos, como se faz com a comida e o tobaco, está sendo considerada uma legislação para proibir os ingredientes num limite de "livre de perigo" e em alguns casos banir por completo certos ingredientes nos perfumes.
A companhia de sementes Monsanto comercializa aos agricultores sementes geneticamente modificadas para serem resistentes às doenças e para erem um crescimento otimizado com o fertilizante Monsanto. Estaremos assistindo uma situação semelhante na perfumaria em que os aromaquímicos se tornam a única opção para os Perfumistas? O Perfumista Abdes Salaam Attar é da opinião que é este o caso. Ele escolhe usar apenas ingredientes naturais, como convicção, não partilhada por todos os perfumistas, de que existe um aspeto essencial nos ingredientes naturais que não pode ser replicado pela ciência.
Chandler Burr e Luca Turin têm realizado um excelente trabalho assegurando-nos de que a perfumaria moderna depende do desenvolvimento científico e que nós deveríamos ter uma atitude despreocupada em relação aos aromaquímicos e desfrutar os incrementos que eles trazem à perfumaria; tais como a longevidade e estabilidade de um perfume, assim como as formulações de aromas que não podem ser destilados ou extraídos da natureza. Os custos consideráveis de potenciadores como o ambergris significam que as formulações químicas menos dispendiosas como o ISO E Super e o Timbersilk têm dado longa vida e exaltação a muitos senão a quase todos os perfumes no mercado hoje em dia. Isto é uma coisa boa, até nossos narizes ficarem cansados do ISO E Super.
As companhias com interesses investidos em vender aromaquímicos em vez de substâncias naturais são, é claro, os "Grandes Seis": GivaudanTakasagoIFF,FirmenichSymrise e Mane. A outra grande fornecedora é Robertet, especializada em ingredientes naturais. Elas são responsáveis pela maioria dos perfumes produzidos em quantidade em todo o mundo. Elas também empregam um exército de químicos para encontrar novos ingredientes ou processos que tornem os ingredientes atuais com custos mais eficientes para a produção em grandes quantidades. I have noticed that sometimes when I have alerted perfumers to a new or interesting ingredient that they are completely uninterested as they are contracted to use the aromas sold by whichever company has a stake in their output.
Existem companhias aparentemente independentes dirigidas criativamente, nenhuma delas mencionarei, que são financiadas em larga medida pelo acesso a uma paleta prescrita de perfumes e perfumistas pertencentes a uma das companhias acima mencionadas ou que têm estas companhias como stakeholders. Uma escolha sensata com acesso a ingredientes e perfumistas. Isto também assegura um mercado para os aromaquímicos nos quais foram gastas quantidades consideráveis, digamos antes massivas, de dinheiro de R&D. A teoria da conspiração sugere que as Grandes Sete companhias produtoras de perfumes que estão por detrás do IFRAestão ativamente levando a cabo a substituição de ingredientes naturais por moléculas formuladas em laboratórios. O IFRA se designa a si próprio como um organisto auto-regulador representando a indústria do perfume. A questão é; estarão eles representando a indústria da perfumaria ou representando a porção de R&D na indústria de perfumaria? Se este é seu modelo sofisticado de negócio ele assegurará um mercado em constante crescimento para os aromaquímicos, especialmente num cenário onde os aromas naturais que foram usados durante séculos na perfumaria se tornam em substâncias banidas ou restritas.
Uma visão geral atualizada do processo legislativo em discussão na UE está disponível no blog Kafkaesque

O Maravilhoso Vetiver, Entrevista com Pierre Benard

Entrevistámos o perfumista Pierre Benard. Depois de ter conversado com ele sobre muitos factos interessantes sobre o jasmim, hoje Pierre nos preparou uma matéria sobre Vetiver.

Serguey Borisov: Meu caro Pierre! É um prazer voltar a falar consigo!
Pierre Benard: Caro Sergey, volto à tinta para renovar a nossa correspondância sobre perfumaria e matérias-primas. Desta vez, será o Vetiver, ou Vetyver, como já foi escrito.

Serguey Borisov: Primeiro as questões de biologia: o país/região de origem do Vetiver, a sua típica utilização, produção e tecnologia, família e tribo, propriedades naturais da planta e os seus óleos, etc.
Pierre Benard: Eu admiro esta planta, chamada “Luz do Sol,” o seu primeiro encontrado. O seu cheiro nasceu da terra.
O seu grupo botânico está associado com o das Cyperales ou Cyperaceae, a nagarmotha com o seu óleo essencial conhecido como cypriol. A sua família é a das Poaceae, comummente chamadas de "ervas."
O seu gênero foi atualizado para Chrysopogon. Será necessário mencionar o gênero Vetiveria, destacado pelos botânicos, incluindo Stapf, do gênero  Andropogon em que foi durante muito tempo associado com Cymbopogon (capim limão, gengibre, palmarosa e citronela de Java ou Ceilão… ). E agora, será renomeada a espécie Vetiveria zizanoides, a mais reconehcida na nossa perfumaria, para Chrysopogon vetiveria.
É claro que existem outras espécies. Doze estão registadas. Chrysopogon nigrita, em Angola, é um exemplo que dá um óleo essencial parecido com Nagarmotha. As suas áreas de cultivo estão sobretudo nas regiões tropicais e sub-tropicais, particularmente ao longo das margens dos rios e outras terras pantanosas— onde há mais chuvas torrenciais—em todo o mundo ou nos trópicos, espalhando-se pelos continentes da América Central e do Sul, África e Ásia.
O vetiver é cultivado na Índia, Sri Lanka, Malásia, Indonésia, Reunião, Quénia, Haiti, Brasil e El Salvador … É uma erva mágica para os agricultores. Contornando os campos com canteiros de vetiver, eles evitam a erosão do solo, que retém a sua humidade. Esta erva mitiga a poluição. As suas raízes desintoxicam o solo e a água pelo seu grande potencial de absorção e a tolerância a metais pesados. São muito ativas com um grande potencial de absorção de nitrogénio, fósforo e nitratos …
De um ponto de vista doméstico e tradicional, as raízes, quando humedecidas, servem como painéis que protegem do calor quando são colocados sobre janelas, um hábito na Ásia. Também é costume fazer pequenos molhos de raízes de vetiver, que são depositados junto dos tecidos de linho para afugentar os ácaros e perfumar as roupas.
(Como um ritual doméstico, existe na tradição Provençal. Isto se alargou ao costume francês das saquetas de lavanda colocadas nos armários. Também reminiscente do cheiro de linho lavado: a folha de patchouli. Antes de ter notoriedade olfativa e fixativa na perfumaria, era conhecido como repelente, reconhecido em remessas de caxemira nas Rotas da Seda regressando à Inglaterra colonial. Mas isto é uma outra história de uma nota amadeirada … )

Serguey Borisov: Pode contar-nos a história do Vetiver na perfumaria?
Pierre Benard: A sua história na perfumaria francesa começa em 1957, quando Robert Gonnon apresenta aos homens, traditionalmente perfumados com água de colónia nessa época, uma nova família de fragrâncias—a família dos amadeirados. É com Vetiver, de Carven, que o nome desta planta continua a aparecer até hoje inclusivamente nos frascos de perfumes antigos e de perfumes de nicho, até mesmo perfumes femininos como Vetiver Pour Elle de Guerlain.

Serguey Borisov: Quando teve início o seu uso na perfumaria?
Pierre Benard: Desde 1843, um perfume de vetiver chamado Kus Kus é produzido continuamente em New Orleans, Louisiana. Em 1803, este aroma foi adquirido dos amantes da perfumaria francesa pelos recentemente independentes Estados Unidos, onde a perfumaria era considerada elitista e não democrática. (Khus Khus é o nome do vetiver em algumas regiões da Índia.)
O nome “vetiver” é emprestado do nome Tamil vettiveru. Apareceu na linguagem francesa no princípio do século XIX. Esta data é importante porque em 1809, a primeira análise química do óleo de vetiver foi feita em França em extratos de raízes importadas da Iha de Reunião, depois chamadas Ilhas  Bourbon. A sua presença em todas as colónias francesas demonstra a sua migração.

Serguey Borisov: Quais eram as suas outras propriedades úteis sem ser em perfume?
Pierre Benard: Por estas propriedades e utilidades, medicinais e como repelente de insectos, o vetiver parece ter sido espalhado pelos viajantes durante muito tempo, pelos mercadores e emigrantes através da vasta região comercial que se estende desde a Índia pela Malásia à Indonésia, e talvez mais além … O óleo essencial contém terpenos naturais e sesquiterpenos que têm efeitos insecticidas.
Para o corpo (aromaterapia), o óleo essencial de vetiver tem propriedades sedativas, antioxidantes, antibacterianas, imunoestimulantes, propriedades tónicas arteriais e linfáticas. Os usos variados desta planta estão registados nos antigos tratados Ayurvedicos. O pó de ushira (o nome em Sânscrito das raízes de khus) é indicado com outros herbais.
Para a mente (aromacologia), o óleo essencial é um reconfortante estabilizador emocional, que nos permite a concentração, para nos sentirmos bem. Chama-se óleo da tranquilidade. A sua água perfumada é usada em rituais religiosos, e a planta é muitas vezes encontrada perto de templos e santuários no Sul e Sudeste asiático.

Serguey Borisov:é o preço do óleo de vetiver?
Pierre Benard: O preço de retalho do vetiver em 2008 era 70 euros para o Javanês, cuja produção é 1.5-2% e em 2010 atingiu os 110 euros. No mesmo ano, o vetiver Bourbon da Ilha Reunião era 200 euros, a produção é 0.6-1.2. Apesar de o Vetiver Bourbon ser recinhecido pela sua qualidade, é raro e marginal devido à falta de mão-de-obra, seca, redução de hectares e falta de organização. Foi destronado pelo vetiver haitiano que custa metade ou um terço do Bourbon.

Serguey Borisov: Foi trazido pelos Templários quando voltaram da Terra Santa? Ou por Alexandre O Grande da Índia?
Pierre Benard: Não posso confirmar os caminhos históricos, mas as raízes têm sido usadas pelo seu óleo fragrante e como medicina tradicional desde a antiguidade. A sua área de origem primordial, a área selvagem das suas sementes, é desde o vale do Ganges à Costa Coromandel, no sul da península indiana.

Serguey Borisov: Tanto quanto sei, o Vetiver é uma das matérias naturais mais especiais—até hoje ele não pode ser sintetizado. Isto é verdade?
Pierre Benard: As moleculas de Khusimol (8-11%), vetivens (5-9%), alfa e beta vetivons e ácido zizanóico arredondam o perfil do seu óleo essencial. Isto é a verdade. É difícil copiar a sua natureza. É isto que o torna único e belo. Podemos chegar perto, embora domesticá-lo seja difícil …

Serguey Borisov: Existem bases que cheiram como o óleo de Vetiver?
Pierre Benard: Axistem algumas bases que cheiram como o óleo de vetiver. O seu cheiro é rico e complexo. Por exemplo, a Firmenich desenvolveu uma base chamada “Vetyrisia.” Para chegar mais próximo do cheiro, outras notas naturais amadeiradas podem ser usadas para criar uma aproximação olfativa. Estas matérias são patchouli, cedros, amyris, etc …
O Cedryl methyl ketone, chamado “Vertofix,” é o material sintético mais comum tipicamente usado para uma nota de vetiver. Mas também há, por exemplo, o acetato de veticol. É claro, isso adicionará um toque de óleo essencial de toranja, rosa ou branca, que vai bem com o vetiver. Nootkatone ou methyl toranja pode ser usado para este efeito.

Serguey Borisov: Como descreveria o cheiro do óleo de Vetiver?
Pierre Benard: Antes de mais, o cheiro do óleo essencial de vetiver é característico e e este termo analítico se refere à sua nota amadeirada única e preciosa. O cheiro é rico como a densidade do óleo essencial. Durante a destilação, duas fases de óleos essenciais são recuperados. Separados por água, um flutua à superfície e o outro é mais pesado.
O cheiro do vetiver tem uma grande persistência, com notas quentes e profundas incrementadas nos mais raros resinóides. Torna-se ambarado e balsâmico. As notas verdes podem ser notadas e cheiradas no topo. De facto, os terpenos de vetiver evocam odores medicinais, de pinheiro verde e resinoso. No fundo, nootkatone, um composto natural orgânico encontrado num cipreste da Ilha Nootka (Callitropsis nootkatensis) dá um efeito de casca de toranja que é traduzido sulfurosamente em acetato de vetyveryl obtido por acetilação do óleo essencial.

Serguey Borisov: Qual é a diferença entre o cheiro do vetiver dependendo da geografia e fonte: Haiti, Reunião, Brasil, Índia, etc.?
Pierre Benard: Num artigo de revista, Jean-Claude Ellena descreveu a qualidade de Payan Bertrand da do projeto indonésio,“Terima Kasih”:
“Esta nova qualidade de óleo de vetiver é muito diferente do óleo normal no mercado. Podemos identificar notas amadeiradas densas e bem definidas, notas sulfurosas, de fósforo, e notas de raspa de toranja muito interessantes. Este vetiver perdeu os aspetos desagradáveis terrosos e de trufas da qualidade normal de Java qualities.”Foi feito um estudo aos parâmetros da destilação: pressões diferentes e maior tempo de destilação.
A nota fumada conhecida na variedade de Java é reduzida. Do melhor resultado, Payan Bertrand faz uma destilação fracionada. O coração deste óleo refinado é muitas vezes chamado de vetiverol por causa da presença significativa de álcool de vetiver. É uma nota doce e amadeirada responsável pela longevidade. Levemente sulfuroso, o efeito de casca de toranja rosa do nootkatone natural é também aumentado.
Há sempre um efeito local nas matérias-primas. Por exemplo, há mais ácidos zizanóicos na qualidade de Java e as relações entre vetivons são completamente diferentes na qualidade do Haiti. Outros parâmetros afetarão o cheiro. Por exemplo, se raízes jovens forem destiladas frescas, o óleo essencial pode ter notas verdes como as notas de topo de espargos, que serão apreciadas não pelos perfumistas mas pelos criadores de aromas. A produção dependerá grandemente da localização da colheita, a idade das raízes e o método de extração. O equipamento (alambiques de inox, por exemplo, no Haiti) afetarão o cheiro do óleo essencial obtido. Em alguns países, as extrações são ainda feitas com alambiques de cobre, que por vezes dão ao óleo essencial um efeito de cominho e cedro mas também uma bela cor turquesa.

Serguey Borisov: O óleo de Vetiver tem sido obtido através da mais simples destilação de água. Apareceram nos últimos anos avanços tecnológicos?
Pierre Benard: Tradicionalmente, o óleo essencial de vetiver é obtido por destilação a vapor das raízes. Elas são colhidas por arado ou manualmente. Elas são então limpas e lavadas para retirar a terra que lhes dá esse cheiro. Elas secam depois à sombra, depois são cortadas e picadas e depois são normalmente mergulhadas em água antes da destilação.
Em El Salvador, o processo é a hidrodifusão. Este processo difere da destilação a vapor convencional, porque o vapor é introduzido no topo da caldeira de destilação e a mistura de óleol/vapor sai pela base. A composição do óleo difere qualitativamente e quantitativamente daqela obtida através da destilação a vapor convencional.

Serguey Borisov: Tanto quanto me lembro, houve preparações antigas de Eau de Mousseline, que era basicamente eau de Vetiver. Quais são os mais populares perfumes de Vetiver do passado?
Pierre Benard: Do passado, os perfumes de Vetiver mais populares são os que citem anteriormente, Carven em 1957Guerlain em 1959Lanvin em 1964, Le Galion em 1969 ... Londe da Colónia, pessoalmente prefiro os perfumes do passado recente, como Encre Noire de Lalique ou Chanel Sycomore, da coleção Les Exclusifs, um sonho de Mademoiselle Chanel para uma fragrância amadeirada dos anos 30.
Aprecio o seguinte tipo de composições: construídas em torno da matéria-prima, enriquecidas com produtos naturais e refinadas com sintheticos. Esta é a minha visão de luxo e elegância. O vetiver continuará a ser um extraordinário material.
Agradeço a Sergey a sua paixão pelos perfumes, a Andrea pelo seu trabalho de extração em San Salvador. Obrigado a Krisheema, e minha estagiária indiana durante estas escritas olfativas. Obrigado Eva-Marie pelo seu trabalho essencial e a Dee pela sua meditação …