VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Daisy Dream Kiss de Marc Jacobs e Daisy Eau So Fresh Kiss de Marc Jacobs (2017)

Os dois últimos lançamentos da Marc Jacobs da linha Daisy são mais uma vez um desperdício de criatividade. Sinceramente até agora eu não entendi a proposta da linha inteira mas uma coisa eu tenho certeza, não é nada pra mulher. O limite de idade para essas fragrâncias é de no máximo 18 anos porém mulheres românticas ou infantilizadas pode seguir a onda pela vida toda. Digo infantilizadas no sentido bom da coisa. Existe mulheres que mantém o hábito de perfumes pueris até a maturidade. Enfim, não espere muito desses, mas se você tem uma filha ou uma irmã que aprecie perfumes suaves e delicados, cheios dessa toada teen romântica , não pense duas vezes, eles fazem o estilo.

1 Daisy Dream Kiss de Marc Jacobs 
Daisy Dream Kiss Marc Jacobs for women

O frasco é um encanto, cheguei a me encantar só em tocar. Já a fragrância , logo que borrifei já entendi que era algo bem jovem, bem "moça pura". Eu jurei que havia rosa, pois é a impressão que me veio logo de início, rosas com muitas frutas vermelhas e um almíscar delicioso. Com o desenvolver da fragrância pude diferenciar um floral romântico, na minha pele predominou mais jasmim que frésia, porém essa parte da fragrância é bem elegante, já mais mulher mesmo, só que é tão suave que , realmente, não dá pra avaliar a composição por essa fase. O melhor sem dúvida ficou por conta do musk adocicado nas notas de fundo, é encantador, só que dura um rastro , coisa de uma hora. A fragrância toda tem uma longevidade até boa, quatro horas em média mas a projeção é de uma braçada por no máximo uma hora, nada mais que isso. A sensação de conforto depois desse período valoriza a fragrância. O que me deixou mais confuso foi ter saído das mãos da fantástica Amandine Marie, que é conhecida por perfumes de personalidade ímpar como o Tresór la nuit.

2) Daisy Eau So Fresh Kiss de Marc Jacobs
Daisy Kiss Marc Jacobs for women

O frasco aqui já é mais meia boca mas meia boca. Seria o mais comercial da fase comercial de Olivier Cresp. Peônia e rosas a vontade, um toque frutado muito parecido com o Daisy Dream Kiss só que carregado no pêssego e nas notas de goiaba (sério , da pra sentir pêssego e goiaba, inédito na classificação dúbia dos usuários do fragrantica gringo)  e Notas de fundo realmente deliciosas. É uma fragrância que das notas de coração até as notas de fundo fica um pouco mais mulher mas, outra vez, a projeção é quase pouco notada nas notas mais amadeiradas e ambaradas, algo que causa pena. A longevidade é boa mas menor que a do Daisy DREAM Kiss. 
A pergunta que não quer calar é qual a utilidade de ter os dois? Realmente cheguei a conclusão que é a cara do Marc Jacobs mesmo, melhor estilo patricinha americana. Aqui no Brasil já não sei..."Vai que cola".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE O QUE VOCÊ ACHOU DA NOSSA MATÉRIA!